OBJETIVO GERAL


OBJETIVO GERAL:
Evangelizar a partir de Jesus Cristo e na força do Espírito Santo, como Igreja discípula, missionária, profética e misericordiosa, alimentada pela Palavra de Deus e pela Eucaristia, à luz da evangélica opção preferencial pelos pobres, para que todos tenham vida (Jo 10,10), rumo ao Reino definitivo.


quinta-feira, 23 de março de 2017

CARNAVAL EM ORAÇÃO: RETIROS DOS SEMINARISTAS DE ZÉ DOCA


       O retiro é um momento oportuno para o recolhimento pessoal, onde a alma humana busca encontra-se com o seu criador, é um momento não para decifrar os mistérios de Deus, mas é a oportunidade do homem se lançar neste mistério e encontrar sua paz interior, e foi com esse objetivo que nos dias 25, 26 e 27 de fevereiro de 2017 os seminaristas da Diocese de Zé Doca, estudantes de filosofia e teologia, entre eles o seminarista Marcinaldo Aguiar que está cursando teologia em Belém PA, e os propedêuticos do Seminário Sagrada Família: Elismar e Joaquim, estiveram em retiro no Centro Diocesano São João XXIII.

       E de maneira especial neste ano, tivemos a oportunidade e a alegria de termo como pregador, o responsável pela formação dos oblatos Pe. Cleber Lopes, OMI, que levou seus sete noviços oblatos para participar do retiro: João Vitor, Jefferson, Diosnel de naturalidade Paraguai, Omar de naturalidade boliviana, Mariano de naturalidade Argentina, Valentim e Rivaldo.

       O retiro iniciou-se com a celebração da Santa Missa, presidida pelo Pe. Agnaldo Oliveira reitor do Seminário Maior Dom Guido Maria Casullo, e concelebrada pelos padres: Pedro Eduardo e Cleber Lopes, e também foi contemplado com a presença do Bispo Dom João Kot, OMI. Após a Santa Missa ouvem as apresentações entre noviços oblatos e os seminaristas diocesanos.  O tema abordado neste retiro foi: “A caminho do encontro pessoal com Jesus Cristo”, onde o pregador nos convidou a refletir sobre o chamado de Jesus: que nos chama a estar com Ele, transfigurar-nos como Ele, e sermos enviado em nome Dele. E acrescentou que diante desses aspectos somos convidados a irmos ao encontro e deixarmos ser encontrado: na reflexão, na partilha, na escuta e na oração, pois o nosso Deus, é um Deus que chama, um Deus que ama e um Deus que envia.

       No domingo a Celebração Eucarística foi realizada na Catedral de Santo Antônio, as 19h30, presidida por Dom João e concelebrada pelos padres: Cleber, Pedro e José Raimundo, juntamente com todos os seminaristas, noviços, religiosas e o povo Zédoquense.

       E para maior intimidade com Cristo, no retiro tivemos: Adoração Eucarística, momentos de deserto, partilha e convivência. E ao término do retiro tivemos um momento penitencial, com confissões com os padres: André Braz, José Raimundo Pinheiro, Monsenhor Raimundo Brito e o pregador do retiro Cleber Lopes.  Proporcionando momentos que nos levam a um encontro pessoal com Deus, e nos proporcionam uma espiritualidade profunda na nossa caminhada vocacional. O pregador também citou que: a oração não se constrói de palavras, mas de relação, e não são as palavras as mais importantes, mas a celebração de um encontro.

       O retiro foi um momento de graça para todos os participantes, que além de uma rica espiritualidade, contou com uma ótima infraestrutura tanto no transporte de ida e volta São Luís / Zé Doca, pelo Reitor do Seminário Maior Padre Agnaldo Costa, como na hospedagem, na alimentação e na organização, graças a nosso bispo diocesano Dom João Kot, OMI, ao Reitor do Seminário Propedêutico e da Escola Diaconal, padre Pedro Eduardo e a equipe de cozinha, aos quais, somos muito agradecidos.

Texto: Seminaristas Jakson Silva
 e Weverson Almeida
































Nenhum comentário:

Postar um comentário