OBJETIVO GERAL


OBJETIVO GERAL:
Evangelizar a partir de Jesus Cristo e na força do Espírito Santo, como Igreja discípula, missionária, profética e misericordiosa, alimentada pela Palavra de Deus e pela Eucaristia, à luz da evangélica opção preferencial pelos pobres, para que todos tenham vida (Jo 10,10), rumo ao Reino definitivo.


segunda-feira, 31 de agosto de 2015

Pastoral Vocacional promove encontro vocacional em Amapá do Maranhão

No dia 01/08/2015, ocorreu na cidade de Amapá do Maranhão, localizado no setor 3 da Diocese de Zé Doca, um encontro vocacional, iniciando deste modo o mês dedicado as vocações, e lá encontravam-se jovens tanto da paróquia onde ocorreu o encontro quanto das paróquias vizinhas situadas naquele setor. O encontro iniciou as 09:00 da manhã no Centro Paroquial. Estiveram presentes aproximadamente 18 jovens, o pároco daquela paróquia Pe. Valdeci, os seminaristas Cleiciano, Mizael, Tarcísio e Weverson e o reitor do Seminário Propedêutico de Zé Doca, Pe. Márcio Júnior, promotor vocacional da Diocese e naquele dia palestrante do encontro. O encontro teve como tema: “Construir uma cultura vocacional a partir da Alegria do Evangelho” baseado na encíclica do Papa Francisco o Evangelli Gaudium (Alegria do Evangelho).

Este encontro foi dividido em duas partes. Pela manhã iniciou-se com um momento de espiritualidade, prosseguindo com a apresentação dos que ali se encontravam. Após a oração deu-se iniciou a palestra. E no final do encontro da manhã todos se dirigiram para a matriz para uma celebração vocacional e em seguida com um pequeno momento de Adoração ao Santíssimo.

1ª parte do encontro: A vocação cristã fala antes de tudo de Deus. E diz-nos que nosso Deus é um que chama, porque ama. O Deus que chama é um Deus amigo do homem, interessado em sua vida e em sua felicidade, visto que sabe que a criatura será feliz somente se realizar até o fundo o projeto divino. O chamado do Pai é, portanto, um chamado a vida, que é dirigido a todos os viventes. A vocação do homem, portanto é um projeto pensado por Deus, pelo Deus Criador e Redentor. Não pode existir um só instante de nossa vida no qual o Pai, Deus, não nos chame. Não pode haver vocação sem contemplação. 

No período da tarde, o encontro iniciou as 14:00 horas, com um momento de oração, prosseguindo com o último momento da palestra.
2ª parte do encontro: PEDAGOGIA VOCACIONAL É o ponto de partida em torno do qual todo educador-formador vocacional está chamado a construir o convite-resposta-apelo. O animador vocacional acompanha para indicar a presença de Deus na vida do jovem, não para atrair para si. Acompanha para fazer ouvir e reconhecer a voz de Deus que chama e para provocar resposta, a este apelo em qualquer direção que Ele vá. O educador vocacional é sobre tudo, aquele que ajuda a extrair a verdade do eu e da própria história, particularmente aquela que narra e reconhece a vida como um bem, um bem imerecido e sem medida, totalmente gratuito. Pastoral Vocacional. Esta Pastoral se caracteriza em Semear: semeamos a boa semente da vocação, não nos cansemos de semeá-la. Esta é, em todo caso, a função primária do animador, aliás, do semeador vocacional. Onde? Em qualquer lugar, de qualquer modo, em toda situação, em cada coração, em qualquer tempo... E tudo com o amplo gesto do semeador do Evangelho, ou seja, não somente semear no coração dos bons (assim chamamos), ou daqueles que nos parecem já bem dispostos e nos fazem esperar por uma resposta positiva, ou nos coroinhas, ou em todo caso nos lugares costumeiros, em torno do templo, mas em toda parte. Quando? Sempre, em cada fase da vida, porque Deus continua a chamar-nos até o ultimo dia da vida. E semear também quando a semente parece menor, não desperta no jovem nenhum consentimento, parece contradito ou desmentido, sufocado por outros projetos. Para finalizar o encontro, Pe. Márcio Júnior entregou a todos um pequeno texto bíblico tirado do evangelho de Lc 5, 1-11. No qual todos meditaram e partilharam sobre a passagem bíblica e sobre os assuntos abordados na palestra. Finalizando o encontro as 16:15 da tarde com a oração vocacional e oração de envio dos jovens as suas paróquias e pôr fim a benção dada pelo Pe. Márcio Júnior.

Informações: Seminário Propedêutico Sagrada Família 

terça-feira, 18 de agosto de 2015

Realizada 7ª Festa das Comunidades na Comunidade Quadro em Zé Doca

“É Festa, é Festa, é Festa das Comunidades!  
 É Festa, é Festa, é Festa das Pastorais!          
É Festa, é Festa, é Festa do Povo de Deus...” 
Letra e Música: Dom Sebastião L. Duarte



Depois de muitos trabalhos e orações feitos pelas Paróquias São João Batista de La Salle e Nossa Sra. Aparecida e Catedral de Santo Antônio, com a graça de Deus realizou-se neste final de semana (15 e 16 de agosto) na Comunidade Quadro a tão esperada 7ª Festa das Comunidades que teve como tema: Igreja em Missão a Serviço da Paz. 

A programação teve inicio por volta das 20:00hs com a Animação e Mística de Abertura feita por todas as comunidades paroquiais de Zé Doca, seguida da celebração da Santa Missa presidida por nosso pároco, Pe. Raimundo Brito, e concelebrada por Pe. José Raimundo Pinheiro, nosso vigário paroquial. Durante a Missa foi seguida a liturgia da Assunção de Nossa Senhora – Mãe de Deus, por isso destacamos a homenagem feita, também, às mães dos nossos padres, a Sra. Tereza (mãe do Pe. Brito) e a Sra. Adelaide (mãe do Pe. José Raimundo) que também estiveram presentes na festa.

Após a Missa, iniciou-se a parte das apresentações organizadas pelas Pastorais, Grupos, Movimentos e Setores Paroquiais que este ano dinamizaram ainda mais em suas reflexões e apresentações. Outro momento a se destacar foi a animação, que este ano contou, também, com a participação da Pastoral Litúrgica da Paróquia São João Batista de La Salle e Nossa Sra. Aparecida.

Por volta das 05:00hs da manhã, quando se encerraram as apresentações, todos os fiéis presentes saíram em caminhada por algumas ruas da Comunidade em direção a Capela de Nossa Sra. da Conceição, onde foi encerrada a Festa com a Benção Final, e todos se confraternizaram com um farto café da manhã oferecido por fiéis da Comunidade e do Setor Quadro.


Agradecemos ao nosso Bom Deus, por nos permitir realizar alegremente esta 7ª Festa das Comunidades, e que Espírito Santo nos guie para que possamos ser verdadeiros Construtores da Paz.

 Clique aqui e veja mais imagens

quarta-feira, 12 de agosto de 2015

1ª EXPERIÊNCIA PASTORAL MISSIONÁRIA DOS SEMINARISTAS DA DIOCESE DE ZÉ DOCA-MA DE 05-23/07/2015

Caros irmãos, partilhamos com todos vocês de nossa Diocese a riquíssima experiência pastoral que realizamos na Diocese de São Raimundo Nonato no estado do Piauí. Éramos sete seminaristas que ao longo de 18 dias intenso de atividades pudemos conviver, conversar e muito aprender com aquele povo de vida sofrida pela escassez de água, afinal são cinco anos sem chuvas regulares, mas mesmo assim não desanimam e em meio a tantas adversidades, climáticas, sociais e políticas cultivam uma fé riquíssima.

Ao longo desses dias visitamos as famílias, rezamos com eles, celebramos em residências, capelas e até mesmo nas ruas, também demos formações na sede e no interior da Paróquia Imaculada Conceição, na pequenina cidade de Coronel José Dias a 30 km de São Raimundo Nonato, aos pés da belíssima Serra da Capivara, a qual também tivemos a honra de conhecer.

A experiência de uma nova realidade é muito valiosa, pois podemos perceber que mesmo sendo Estados vizinhos as realidades são bem diversas, são culturas diferentes, hábitos alimentares diferentes, sotaque diferente, clima diferente, porém uma mesma fé expressada na simplicidade do povo do semiárido e que nos fortalece na caminhada e também na nossa fé. 

Todos nós aprendemos muito e só temos a agradecer a todo o povo de Coronel José Dias que nos acolheu abrindo suas portas e corações para que nós pudéssemos entrar e sentarmos juntos às suas mesas e partilhar todas as iguarias da farta mesa piauiense e de modo particular os inesquecíveis bode, cuscuz e beiju (risos), agradecemos também ao Padre Erasmo Gaudino pároco da cidade e a Dom João Santos Cardoso administrador da Diocese. A todos o nosso cordial agradecimento.


E agradecemos também a nosso bispo Dom João Kot que nos proporcionou esse momento juntamente com todo o povo de nossa diocese que com suas ofertas e dízimos nos proporcionaram esse momento ímpar em nossa formação sacerdotal. A todos muito obrigado!

Edson Pereira dos Santos

Emerson Adriano Mendes de Andrade

Enedino da Silva Ribeiro

Francisco dos Santos Sampaio

Josileudo Araújo da Silva

Josivaldo Ramos Rodrigues 

Luís Henrique Nina Baltazar