OBJETIVO GERAL


OBJETIVO GERAL:
Evangelizar a partir de Jesus Cristo e na força do Espírito Santo, como Igreja discípula, missionária, profética e misericordiosa, alimentada pela Palavra de Deus e pela Eucaristia, à luz da evangélica opção preferencial pelos pobres, para que todos tenham vida (Jo 10,10), rumo ao Reino definitivo.


quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Diocese de Zé Doca – MA
Paróquia Nossa Senhora da Conceição
Círio de N. Sra. da Conceição 2010


Cândido Mendes - MA

Programação
Dia 28/11/10: 05:30Hs – Alvorada de Abertura;
06:30Hs – Missa Matinal;
07:00Hs – Café da Manhã;
12:00Hs – Hora do Ângelo;
18:00Hs – Hora do Ângelo;
19:30Hs – Santa Missa, após, leilão.
Noitários: SAV, M. E. Comunhão, Liturgia, Acólitos, Acolhida.
Responsáveis: Iracilda, Dedson, Terezinha T.Pe. Cosmo,
Henrique, Eloísa, Nete, Antonio Ribeiro, Nicinha, Maria do Rosario, Janiele, Lila.


Dia 29/11/10: 06:00Hs – Alvorada;
06:30Hs – Missa Matinal;
07:00Hs – Café da Manhã;
12:00Hs – Hora do Ângelo;
18:00Hs – Hora do Ângelo;
19:30Hs – Santa Missa.
21:00Hs – Leilão;
Noitários: : Rodagem, Vila Gracinha e Cajual.
Responsáveis: Maria da Trindade, Girlene, Jamile, Josilene, Maria Braga,Rosileia e
Fernando, Francalino e Eugênia, Torquatinho e Esposa, Ângela e Eposo, Ivo Moraes e Ângela, Maria Caxias, Cristina, Lucidalva, Orlando e Maura, Lucimar, Sonha Pereira, Enedia Ramos Lucia Paixão, Rosiane Ramo, Cleidivan.


Dia 30/12/10: 06:00Hs – Alvorada;
06:30Hs – Missa Matinal;
07:00Hs – Café da Manhã;
12:00Hs – Hora do Ângelo;
18:00Hs – Hora do Ângelo;
19:30Hs – Santa Missa.
21:00Hs – Leilão;
Noitários: Pastoral da Criança e Pastoral da Juventude.
Responsáveis: Edílson, Janiele, Naurineia, Maria do Rosário, Larissa, Jonivaldo, Gustavo, Maria, Nicinha, Poliana, Laura, Ângela, Flavia.


Dia 01/12/10: 06:00Hs – Alvorada;
06:30Hs – Missa Matinal;
07:00Hs – Café da Manhã;
12:00Hs – Hora do Ângelo;
18:00Hs – Hora do Ângelo;
19:30Hs – Santa Missa
21:00Hs – Leilão;

Noitários: Cidade Nova
Responsáveis: Nicinha, Joanilde, Maria, Celé, Graça, Diquinho, Rosinete, Rosita, Socorro Cruz, Benedita.


Dia 02/12/10: 06:00Hs – Alvorada;
06:30Hs – Missa Matinal;
07:00Hs – Café da Manhã;
12:00Hs – Hora do Ângelo;
18:00Hs – Hora do Ângelo;
19:30Hs – Santa Missa.
21:00Hs – Leilão;
Noitários Maneco Lima e Altamira.
Responsáveis: Juarez, Emilio e Lindeci, Célia, Raimundo Carlos, Vera Núbia, Sancler, Joaquim, Leomar, Edimilson, Cícero, Eugênio, Andreza.


Dia 03/12/10 06:00Hs – Alvorada;
06:30Hs – Missa Matinal;
07:00Hs – Café da Manhã;
12:00Hs – Hora do Ângelo;
18:00Hs – Hora do Ângelo;
21:00Hs – Leilão;
Noitários: Professores e Alunos Católicos.
Responsáveis: Ruth Lourdes, Roseane, Ana Regina, Iracilda, Pe. André, Socorro Inglêz, Liliana Flávio Marcio, Alessandro, Sancler, Luiz Oliveira, Neila, Margarida, Dolores, Maria do Rosário, Rosa Inglez, Maria de Loudes, Deuzuila, Renilde, Raimundo Nonato, Elbert Carlos, Roseara, Maria da Gloria de Abreu, Lucinha, Dejanira, Maria Dolores.


Dia 04/12/10: 06:00Hs – Alvorada;
06:30Hs – Missa Matinal;
07:00Hs – Café da Manhã;
12:00Hs – Hora do Ângelo;
17:00Hs – Reunião de pais e padrinhos;
18:00Hs – Hora do Ângelo;
19:30Hs – Santa Missa.
21:00Hs – Leilão;
Noitários: Aviação
Responsáveis: Liliana, Jaci, Hiolanda e Cloves, Henrique e Iracilda, Francisco Xavier e Maria Caxias, Roseane e Zé Birão, Dolores e Argemiro, Cláudio e Deuzuila.


Dia 05/12/10: 06:00Hs – Alvorada;
06:30Hs – Missa Matinal;
07:00Hs – Café da Manhã;
12:00Hs – Hora do Ângelo;
17:00Hs – Palestra de pais e padrinhos;
18:00Hs – Hora do Ângelo;
19:30Hs –Santa Missa;
21:00Hs – Leilão;
Noitários: Piracambu
Responsáveis: Antonio e Leia, Maria de Fátima, Elem, Rubinho e Kátia, Eloísa, Leila Gorete, Gorete, Raimundo Filho e Franciene, Leônidas e Alice, Rita Cavalcante.


Dia 06/12/10 06:00Hs – Alvorada;
06:30Hs – Missa Matinal – Capela da Imaculada;
07:00Hs – Café da Manhã;
12:00Hs – Hora do Ângelo;
17:00Hs – Reunião de pais e padrinhos;
18:00Hs – Hora do Ângelo;
19:30Hs – Santa Missa.
21:00Hs – Leilão.
Noitários: Centro Comercial
Responsáveis: Maria Herminia, Elizabete, Gilcirleia, Luciana e
Nilandes, José Jarbas e Vanda Maria, Ruth Lourdes, Rosa Tromps,
Jarlene, Dilcinho, Vera Lúcia, Eduardo Meneses, Roseara, Jalila Inglez,
Laura Carvalhal, Eleonora Veloso, Rosa Inglez, Beto Carvalhal e Lígia,
Alexsandro e Nalva.


Dia 07/12/10 05:00Hs – Oficio de Nossa Senhora
06:00Hs – Transladação; da Imagem até a Vila Gracinha
07:00Hs – Café da Manhã após a Transladação
09:00Hs - 09:00Hs – Missa dos Idosos na Capela da
Imaculada, em seguida o lanche
12:00Hs – Hora do Ângelo;
17:00Hs – Palestra de pais e padr
19:30Hs – Missa, após leilão
Noitários: Pastoral da Família e Legião de Maria.
Responsáveis: Lilá, Tereza, Lucimar, Mocinha, Juarez, Raimunda, Cláudio ,
Deuzuila, Liliana, Zé Marins, Leônidas, Alice, Roseane, Zé Birão, Delco,
Umbelina, Rosileia, Fernando, Francalino, Eugênia,Benedito, Deusamar


Dia 08/12/10 06:00Hs – Alvorada;
07:00Hs – Café da Manhã;
08:00Hs – Missa na Igreja Matriz seguida do Batizados;
12:00Hs – Hora do Ângelo;
17:00Hs – Grande Procissão do Círio, Saindo da Igreja
de Santa Cruz e Encerrando Com a Missa Campal em frente à Igreja Matriz, e logo em
seguida o Grande Bingão de quatro bois e o desfile das Princesa dos Bairros e Movimentos.
Noitários: Comissão Organizadora
Responsáveis: Pe. Cosmo, Pe. André, Henrique, Maria Herminia, Juarez, Roseane Braga, Zé Birão, Rita Cavalcante, Delco, Rony
Guimarães, Cláudio, Deuzuila, Luis Marario, Eloísa, Nete, Benedito Xavier, Deusamar,Terezinha Tavares, Ivo,Liliana, Antonio Galvão, José Martins, Rosa Tromps, Alexsandro.
DIOCESE DE ZÉ DOCA -MA
Paróquia Nossa Senhora da Conceição


Governador Newton Bello
Festejo Nossa Senhora da Conceição



28/11-ABERTURA
Noite dos Missionários/Comunidades do Interior/Bairro São José e Professores.Consagração dos Jovens à Nossa Senhora/
16:00 Carreata saindo da entrada da cidade
18:30 Missa de Abertura
Missa: Pe. Ricardo

29/11-
Pastoral do Dizimo/Rua São João/Bairro Safira e Saúde,Erika,Roseane/Dodó/Helia
19:30 Missa: Pe. Agnaldo (Zé Doca)

30/11-
Pastoral Litúrgica/Alto do Almir/Av. JK/Policia Militar e Guardas Municipal-Leia/Antonia/Francisca Nogueire/Rosangela/Elinalva
19:30 Missa: Pe. Reginaldo (Carutapera)

01/12-
Guadas de Nossa Senhora/Taxistas/motoristas/Praça do Mercado/Rua do Bacuri/Comerciante, Edilson/Rol/Raimundo/AntonioPara/Everaldo/Rosinete/Juliete/Helena
19:30 Missa: Pe. José Raimundo ( Zé Doca)

02/12
- Coroinhas/Grupo Viva a Vida/Alto do Vida Pastoral da Mulher,Andréia/Tilda e Nazaré/Consuelo e Cia
19:30- Missa: Pe. Máximo

03/12- / Rua da SUDENE/ Rua Jânio Quadros e Grupo Shalom,Ze Maria/Ivanilde/Nilda/Aldeane/Elizangela
19:30- Missa: Pe. Nato

04/12
Catequese/Pastoral da Juventude/Birolândia/ Trabalhadores Rurais,Leia/Ana Paula/Artemisa/Jordânia
08:30 – Missa para os Anciãos
19:30- Missa : Pe. Erenaldo (Nova Olinda)

05/12- Pastoral da Criança/Rua José Eufrásio/ Praça da Igreja/Autoridades Civis/ Crismandos Com. Londrina,Marlucia/Ariadna/Santana/Leia/Cilene
08: 00 Missa com as Crianças
19:30- Missa ; Dom Carlo– CRISMA


06/12- Ministério da Acolhida/Casullo/Pau’darco/Patrícia
19:30- Missa Pe. Brito (Zé Doca)

07/12
- Ministério Shaloom/ Fazendeiros/Rua Sete de Setembro/ Rua Nossa Senhora da Conceição/BR. Tilda/Deda/Domingas/Marlene/Milene
19:30 – Missa : Pe. João Batista- CASAMENTOS e Missa do Vaqueiro

08/12 – Famílias em Geral
08:00- BATIZADOS
Celebrante Pe. Ricardo

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

MENSAGEM DO PÁROCO
Padre Paulo Ricardo ao povo Newtonbellense.

Caríssimos irmãos e caríssimas irmãs, saudação em Cristo Jesus!
Nós que fazemos a Paróquia Nossa Senhora da Conceição: padre, animadores, pastorais, ministérios e todo povo de Deus que aqui vive sua fé, através dos sacramentos e sacramentais, nas festas e procissões vimos conclamar á todos para o nosso 41º festejo em honra nossa padroeira.
É um tempo de graças e bênçãos e principalmente de renovação. É um mutirão de evangelização, onde todos somos convidados servir do evangelho com nossa expressão de fé e vida.
Que Maria Santíssima derrame sobre nós uma chuva de graças e que juntos possamos realizar com êxito e muitos frutos nossa festividade 2010.

sábado, 27 de novembro de 2010

Pastoral da Música Diocesana



Caríssimos irmãos e irmãs, ministros de Música
da Diocese de Zé Doca

Estamos chegando ao final de mais um Ano Litúrgico, que se encerra com a festa de Cristo Rei do Universo e dia do Leigo e da Leiga, e logo em seguida celebramos o 1º Domingo do Advento, dia 28 de novembro. O Advento é um dos tempos do Ano Litúrgico e pertence ao ciclo do Natal. A liturgia do Advento caracteriza-se como período de preparação, como pode-se deduzir da própria palavra advento que origina-se do verbo latino advenire, que quer dizer chegar. Advento é tempo de espera d’ Aquele que há de vir.
Pelo Advento nos preparamos para celebrar o Senhor que veio, que vem e que virá; sua liturgia conduz a celebrar as duas vindas de Cristo: na primeira, a sua desejada manifestação no final dos tempos, quando o Cristo vier em sua glória; e na segunda, celebra-se a manifestação de Deus experimentada há mais de dois mil anos com o nascimento de Jesus (Novena de Natal).
Na certeza de que através do canto e da música celebramos como povo e com o povo de Deus este tempo rico de espiritualidade, desejamos a todos um Feliz Natal e um próspero Ano Novo, cheios de Realizações.

Amém! Axé! Aleluia! Auerê!

Halison Barros.

Secretário Diocesano
Pastoral da Música

Pastoral Litúrgica Diocesana


Caríssimos irmãos e irmãs, mais um Ano Litúrgico está terminando, mas a nossa caminhada de cristãos continua com a chegada do Advento, no dia 28 de novembro, que marca o inicio do novo Ano Litúrgico que, no Ciclo A, tem como Evangelho principal o de São Mateus. No inicio deste Novo Ano, ao longo de quatro semanas a Igreja entoa um canto de esperança: "Vem, Senhor, nos Salvar! Vem sem demora nos dar a paz!"
A coordenação da Pastoral Litúrgica Diocesana deseja a todos e a todas uma boa caminhada de Advento e votos de Feliz Natal e próspero Ano Novo. Que cada um de nós possa celebrar com fé a Liturgia deste tempo sagrado e cantar juntos: "Vem, Senhor Jesus!" (Ap 22,20), até participar plenamente da Liturgia Celeste.
Cordialmente:
Ir. Maria Luiza Sanna
Coordenadora Diocesana
Pastoral Litúrgica

segunda-feira, 22 de novembro de 2010










Hoje Celebramos Santa Cecília
Padroeira da Música e dos Músicos



HISTÓRIA DE SANTA CECÍLIA – PADROEIRA DA MÚSICA

Santa Cecília nasceu pelo ano 161 ou 162. Segundo a antiga tradição, a santa pertencia a uma das principais famílias de Roma e que tinha consagrado a Deus sua virgindade. Seus pais a comprometeram em matrimônio com um jovem chamado Valeriano, mas mesmo sem seu consentimento a vontade dos pais prevaleceu vindo por se casar com seu prometido.

Estando só com o noivo, disse-lhe Cecília com toda a amabilidade e não menos firmeza: “Valeriano, acho-me sob a proteção direta de um Anjo que me defende e guarda minha virgindade. Não queiras portanto, fazer alguma coisa contra mim, o que provocaria a ira de Deus contra ti”. A estas palavras, incompreensíveis para um pagão, Cecília fez seguir a declaração de ser cristã e obrigada por um voto que tinha feito a Deus guardar a pureza virginal. Disse-lhe que a fidelidade do voto trazia a bênção, a violação, porém, o castigo de Deus. Valeriano vivamente impressionado com as declarações da noiva respeitou-lhe a virgindade, converteu-se e recebeu o batismo naquela mesma noite. Valeriano relatou ao irmão Tibúrcio o que tinha passado e conseguiu que também este se tornasse cristão.

O prefeito de Roma, Almaquio, tinha proibido sepultar os cadáveres dos cristãos. Mas Valeriano e Tiburcio se dedicaram a sepultar todos os cadáveres de cristãos que encontravam. Por isso foram presos. Levados ante o prefeito, que já tinha o conhecimento da conversão dos dois irmãos, lhes pediram que declarassem que
adoravam Júpiter. Eles defenderam sua fé e morreram mártires. Em seguida a polícia prendeu Cecília e lhe exigiu que renunciasse à religião de Cristo e que rendesse homenagens aos deuses. Ela declarou que preferia a morte que renegar a verdadeira religião. Então foi levada à um lugar determinado, mas falou aos soldados da beleza da religião de Cristo, que estes se declaravam a seu favor, e prometeram abandonar o culto dos deuses.

Almaquio vendo-se novamente frustrado com Cecília deu ordem para que fosse trancada em um forno quente para sufocar com os terríveis gases que saíam dali, mas em vez de asfixiar-se ela cantava alegre, e nada sofreu (possivelmente por isso a nomearam padroeira dos músicos). Visto que com este martírio não podiam acabar com ela, o cruel Almaquio mandou que lhe cortasse a cabeça, deram três goltes sem conseguir separar a cabeça do tronco. Cecília, ferida, caiu por terra e ficou três dias nesta posição. Aos cristãos que vinham visitar dava bons e carinhosos conselhos. Ao Papa entregara todos os bens, com o pedido de distribuí-lo aos pobres. Pediu também que a sua casa fosse transformada em Igreja, e logo depois veio a falecer (ano 176 d.c.).

Em 1599, por ordem do Cardeal Sfondrati, foi aberto o túmulo de Santa Cecília e o corpo foi encontrado intacto Foi construída uma estátua em mármore dela, que se conserva na igreja da Santa Cecília em Roma, isso justifica a consumação de seu pedido a Deus nos festejos do casamento, ouvindo o som dos instrumentos musicais, teria elevado o coração a Deus nestas piedosas aspirações: “Senhor, guardai-me sem mancha meu corpo e minha alma, para que não seja confundida.

Desde o século XV, Santa Cecília é considerada padroeira da música sacra. Sua festa é celebrada no dia 22 de novembro, dia da Música e dos Músicos.


ORAÇÃO À SANTA CECÍLIA

Santa Cecília, gloriosa Virgem e Mártir de Jesus Cristo, eu admiro a coragem com a qual você professou sua fé em face da perseguição severa, e o amor generoso com a qual oferecestes vossa vida como testemunha da vossa fé na Santíssima Trindade. Eu agradeço a Deus convosco pela graça maravilhosa que Ele derramou sobre você a fim de fazer a vossa vida santa e agradável a Ele, mesmo no meio de riqueza que era a vossa. Eu agradeço a Deus pelo privilégio oferecido a vós de receber a coroa gloriosa do martírio.

Santa Cecília, eu também admiro a pureza de amor que te uniu ao Salvador, que foi tão grande aos teus olhos que outra afeição humana, que declarastes a ti mesma diante dos inimigos da Igreja: Eu sou a esposa de meu Senhor Jesus Cristo! Orai por mim a fim de que imitando-te eu possa manter o meu corpo puro e minha alma santa, e que eu ame a Jesus com todo o meu coração.

Nestes momentos tão cheios de prazer buscando e com fé tão pequena, ensina-nos a professar nossa fé corajosamente, e desejar sacrificar-me na prática dela, para que o meu bom exemplo, possa levar outros a viver mais próximo de Cristo e da Igreja que Ele fundou.

sábado, 20 de novembro de 2010








Segundo dia do Tríduo de Santa Cecília
Santa Cecília Rogai pelos músicos


1) Chegada – silencio- oração pessoal
2) Recordação da vida - Quando você começou a tocar na Igreja?
3) Hino –
4) Leitura bíblica
5) 1ª leitura 1° Samuel 16,14-23
6) Meditação – silêncio – partilha – refrões
7) Preces –
8) Pai Nosso – Ave Maria – Creio em Deus Pai Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo – Como era o principio agora a para sempre amém.
9) Benção
10) Canto –






Primeiro dia do Tríduo de Santa Cecília
Santa Cecília Rogai pelos cantores e cantoras

1) Chegada – silencio- oração pessoal
2) Recordação da vida - Quando você começou a cantar na Igreja?
3) Hino –
4) Leitura bíblica
5) 1° Samuel 2,1-10
6) Meditação – silêncio – partilha – refrões
7) Preces –
8) Pai Nosso – Ave Maria – Creio em Deus Pai Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo – Como era o principio agora a para sempre amém.
9) Benção
10) Canto -

terça-feira, 16 de novembro de 2010


Faça o Download do Tríduo de Santa Cecília
Copie o código abaixo:

http://rapidshare.com/files/431193721/TR__DUO_DE_SANTA_CEC__LIA_-_PASTORAL_DA_M__SICA_02.rar

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Pastoral da Juventude
5ª Romaria Diocesana
13 e 14 de Novembro de 2010
de Cândido Mendes a Godofredo Viana

Venha participar conosco dessa grande festa , junte-se a sua caravana organize seu grupo e não fique de fora deste grande evento.

Concentração apartir das 17 horas na cidade de Candido Mendes
Atenciosamente pastoral da juventude da Diocese de Zé Doca:

A coordenação

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

PAPA NOMEIA NOVO BISPO PARA O BRASIL


O Papa Bento XVI nomeou nesta quarta feira, o Frei Jaime Spengler, da Ordem dos Frades Menores (OFM), bispo auxiliar da Arquidiocese de Porto Alegre (RS).

Atual pároco da paróquia Bom Jesus dos Perdões e Guardião da Fraternidade Franciscana Bom Jesus em Curitiba (PR),

Frei Jaime Spengler nasceu no dia 6 de setembro de 1960 e seu ingresso na Ordem dos Frades Menores se deu no dia 20 de janeiro de 1982, quando foi admitido no Noviciado de Rodeio, cidade vizinha da sua.
Frei Jaime Spengler

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Discurso do papa Bento XVI aos bispos do Regional NE5 da CNBB em visita Ad limina

Em visita ad limina apostolorum, os bispos do Regional Nordeste 5 da CNBB (estado do Maranhão) foram recebidos em audiência pelo papa Bento XVI, que foi saudado pelo bispo emérito de Viana (MA), dom Xavier Gilles, ex-presidente do Regional.

"Lendo os vossos relatórios, pude dar-me conta dos problemas de caráter religioso e pastoral, além de humano e social, com que deveis medir-vos diariamente. O quadro geral tem as suas sombras, mas tem também sinais de esperança", disse o papa.

São 14 os bispos que participam da visita, que termina no sábado, 30. Na agenda do episcopado maranhense há visitas aos dicastérios da Santa Sé, dentre outros compromissos. Ontem eles celebraram missa na Basílica de São Paulo Fora dos Muros.

Leia, abaixo, a íntegra do discurso do papa.

Amados irmãos no episcopado,

«Para vós, graça e paz da parte de Deus, nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo» (2 Cor1, 2). Desejo antes de mais nada agradecer a Deus pelo vosso zelo e dedicação a Cristo e à sua Igreja que cresce no Regional Nordeste 5. Lendo os vossos relatórios, pude dar-me conta dos problemas de caráter religioso e pastoral, além de humano e social, com que deveis medir-vos diariamente. O quadro geral tem as suas sombras, mas tem também sinais de esperança, como Dom Xavier Gilles acaba de referir na saudação que me dirigiu, dando livre curso aos sentimentos de todos vós e do vosso povo.

Como sabeis, nos sucessivos encontros com os diversos Regionais da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, tenho sublinhado diferentes âmbitos e respectivos agentes do multiforme serviço evangelizador e pastoral da Igreja na vossa grande Nação; hoje, gostaria de falar-vos de como a Igreja, na sua missão de fecundar e fermentar a sociedade humana com o Evangelho, ensina ao homem a sua dignidade de filho de Deus e a sua vocação à união com todos os homens, das quais decorrem as exigências da justiça e da paz social, conforme à sabedoria divina.

Entretanto, o dever imediato de trabalhar por uma ordem social justa é próprio dos fiéis leigos, que, como cidadãos livres e responsáveis, se empenham em contribuir para a reta configuração da vida social, no respeito da sua legítima autonomia e da ordem moral natural (cf. Deus caritas est, 29). O vosso dever como Bispos junto com o vosso clero é mediato, enquanto vos compete contribuir para a purificação da razão e o despertar das forças morais necessárias para a construção de uma sociedade justa e fraterna. Quando, porém, os direitos fundamentais da pessoa ou a salvação das almas o exigirem, os pastores têm o grave dever de emitir um juízo moral, mesmo em matérias políticas (cf. Gaudium et spes, 76).

Ao formular esses juízos, os pastores devem levar em conta o valor absoluto daqueles preceitos morais negativos que declaram moralmente inaceitável a escolha de uma determinada ação intrinsecamente má e incompatível com a dignidade da pessoa; tal escolha não pode ser resgatada pela bondade de qualquer fim, intenção, conseqüência ou circunstância. Portanto, seria totalmente falsa e ilusória qualquer defesa dos direitos humanos políticos, econômicos e sociais que não compreendesse a enérgica defesa do direito à vida desde a concepção até à morte natural (cf. Christifideles laici, 38). Além disso no quadro do empenho pelos mais fracos e os mais indefesos, quem é mais inerme que um nascituro ou um doente em estado vegetativo ou terminal? Quando os projetos políticos contemplam, aberta ou veladamente, a descriminalização do aborto ou da eutanásia, o ideal democrático – que só é verdadeiramente tal quando reconhece e tutela a dignidade de toda a pessoa humana – é atraiçoado nas suas bases (cf. Evangelium vitæ, 74). Portanto, caros Irmãos no episcopado, ao defender a vida «não devemos temer a oposição e a impopularidade, recusando qualquer compromisso e ambigüidade que nos conformem com a mentalidade deste mundo» (ibidem,82).

Além disso, para melhor ajudar os leigos a viverem o seu empenho cristão e sócio-político de um modo unitário e coerente, é «necessária — como vos disse em Aparecida — uma catequese social e uma adequada formação na doutrina social da Igreja, sendo muito útil para isso o "Compêndio da Doutrina Social da Igreja"» (Discurso inaugural da V Conferência Geral do Episcopado Latino-Americano e do Caribe, 3). Isto significa também que em determinadas ocasiões, os pastores devem mesmo lembrar a todos os cidadãos o direito, que é também um dever, de usar livremente o próprio voto para a promoção do bem comum (cf. Gaudium et spes 75).

Neste ponto, política e fé se tocam. A fé tem, sem dúvida, a sua natureza específica de encontro com o Deus vivo que abre novos horizontes muito para além do âmbito próprio da razão. «Com efeito, sem a correção oferecida pela religião até a razão pode tornar-se vítima de ambigüidades, como acontece quando ela é manipulada pela ideologia, ou então aplicada de uma maneira parcial, sem ter em consideração plenamente a dignidade da pessoa humana» (Viagem Apostólica ao Reino Unido, Encontro com as autoridades civis, 17 de setembro de 2010).

Só respeitando, promovendo e ensinando incansavelmente a natureza transcendente da pessoa humana é que uma sociedade pode ser construída. Assim, Deus deve «encontrar lugar também na esfera pública, nomeadamente nas dimensões cultural, social, econômica e particularmente política» (Caritas in veritate, 56). Por isso, amados Irmãos, uno a minha voz à vossa num vivo apelo a favor da educação religiosa, e mais concretamente do ensino confessional e plural da religião, na escola pública do Estado

Queria ainda recordar que a presença de símbolos religiosos na vida pública é ao mesmo tempo lembrança da transcendência do homem e garantia do seu respeito. Eles têm um valor particular, no caso do Brasil, em que a religião católica é parte integral da sua história. Como não pensar neste momento na imagem de Jesus Cristo com os braços estendidos sobre a baía da Guanabara que representa a hospitalidade e o amor com que o Brasil sempre soube abrir seus braços a homens e mulheres perseguidos e necessitados provenientes de todo o mundo? Foi nessa presença de Jesus na vida brasileira, que eles se integraram harmonicamente na sociedade, contribuindo ao enriquecimento da cultura, ao crescimento econômico e ao espírito de solidariedade e liberdade.

Amados Irmãos, confio à Mãe de Deus e nossa, invocada no Brasil sob o título de Nossa Senhora Aparecida, estes anseios da Igreja Católica na Terra de Santa Cruz e de todos os homens de boa vontade em defesa dos valores da vida humana e da sua transcendência, junto com as alegrias e esperanças, as tristezas e angústias dos homens e mulheres da província eclesiástica do Maranhão. A todos coloco sob a Sua materna proteção, e a vós e ao vosso povo concedo a minha Benção Apostólica.

Quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Papa Bento XVI

fonte: CNBB Nacional


quinta-feira, 21 de outubro de 2010

POR QUE A IGREJA BATIZA CRIANÇAS, JOVENS E ADULTOS?

Na sua casa todos são batizados? Você acha certo batizar crianças?

A igreja Católica desde o começo, há quase 2000 anos, batiza crianças, vamos ver porque que ele faz isso. Vamos olhar outra vez a Bíblia.

Jesus fala assim, em Mateus capítulo 28, versículos 18 a 20: “Portanto, vão e façam com que todos os povos se tornem meus discípulos, batizando-os em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo”. Será que crianças também é gente? Será que criança faz parte do povo. O povo brasileiro é formado por 170 milhões de pessoas, e muitas são crianças. A ordem de Jesus é: “façam com que todos os povos se tornem meus discípulos, batizando-os”. A ordem de Jesus é para batizar a todos e não só os jovens e adultos.

Sim, crianças é gente e é por isso a gente cumpre a ordem de Jesus: batizai todos os povos, batizai a todos, batizai todas as nações. Por isso batizamos também crianças.

Jesus não fala para batizar só os jovens ou só os adultos. Ele manda batizar a todos os povos, todas as pessoas.

No começo da Igreja Católica, nas primeiras comunidades, em três passagens da Bíblia, vemos os Apóstolos batizando a família inteira: crianças, jovens e adultos. Vamos ver estas histórias do começo da Igreja:

Atos dos Apóstolos capítulo 16, versículos 30 a 34 “Então, Paulo e Silas anunciaram a Palavra do Senhor ao carcereiro e a todos de sua casa. A seguir foi batizado junto com todos os seus”. É o batismo de toda a família.

Atos dos Apóstolos capítulos 16, versículos 14 a 15 “ Lídia, vendedora de púrpura, foi batizada junto com toda sua família”; Batizou toda família.

São Paulo vai dizer na primeira carta aos Coríntios capítulo 1, versículo 16 “Batizei também a família de Estéfanas”. Batizou todas as pessoas da casa.

É por isso que a Igreja católica batiza crianças também.

Batiza também jovens e adultos. Quem ainda não é batizado, nós batizamos, porque Jesus mandou batizar a todos os povos.

terça-feira, 12 de outubro de 2010


Viva Nossa Senhora Aparecida, Padroeira do Brasil.

11 Anos da Catedral de Santo Antonio. Zé Doca-MA

Hoje faz 11 anos que a nova Catedral foi inaugurada por Dom Walmir Alberto Valle, IMC. Com a presença de muitos fieis.

12 de outubro de 1999


Catedral de Santo Antonio, sendo construída



Hoje Dia de Nossa da Conceição Senhora Aparecida - Padroeira do Brasil

Com muita alegria nós, brasileiros, lembramos e celebramos solenemente o dia da Protetora da Igreja e das famílias brasileiras: Nossa Senhora da Conceição Aparecida.

A história de Nossa Senhora da Conceição Aparecida tem seu início pelos meados de 1717, quando chegou a notícia de que o Conde de Assumar, D. Pedro de Almeida e Portugal, Governador da Província de São Paulo e Minas Gerais, iria passar pela Vila de Guaratinguetá, a caminho de Vila Rica, hoje cidade de Ouro Preto (MG).

Convocados pela Câmara de Guaratinguetá, os pescadores Domingos Garcia, Filipe Pedroso e João Alves saíram à procura de peixes no Rio Paraíba. Desceram o rio e nada conseguiram.

Depois de muitas tentativas sem sucesso, chegaram ao Porto Itaguaçu, onde lançaram as redes e apanharam uma imagem sem a cabeça, logo após, lançaram as redes outra vez e apanharam a cabeça, em seguida lançaram novamente as redes e desta vez abundantes peixes encheram a rede.

A imagem ficou com Filipe, durante anos, até que presenteou seu filho, o qual usando de amor à Virgem fez um oratório simples, onde passou a se reunir com os familiares e vizinhos, para receber todos os sábados as graças do Senhor por Maria. A fama dos poderes extraordinários de Nossa Senhora foi se espalhando pelas regiões do Brasil.

Por volta de 1734, o Vigário de Guaratinguetá construiu uma Capela no alto do Morro dos Coqueiros, aberta à visitação pública em 26 de julho de 1745. Mas o número de fiéis aumentava e, em 1834, foi iniciada a construção de uma igreja maior (atual Basílica Velha).

No ano de 1894, chegou a Aparecida um grupo de padres e irmãos da Congregação dos Missionários Redentoristas, para trabalhar no atendimento aos romeiros que acorriam aos pés da Virgem Maria para rezar com a Senhora "Aparecida" das águas.

O Papa Pio X em 1904 deu ordem para coroar a imagem de modo solene. No dia 29 de abril de 1908, a igreja recebeu o título de Basílica Menor. Grande acontecimento, e até central para a nossa devoção à Virgem, foi quando em 1929 o Papa Pio XI declarou Nossa Senhora Aparecida Padroeira do Brasil, com estes objetivos: o bem espiritual do povo e o aumento cada vez maior de devotos à Imaculada Mãe de Deus.

Em 1967, completando-se 250 anos da devoção, o Papa Paulo VI ofereceu ao Santuário de Aparecida a Rosa de Ouro, reconhecendo a importância do Santuário e estimulando o culto à Mãe de Deus.

Com o passar do tempo, a devoção a Nossa Senhora da Conceição Aparecida foi crescendo e o número de romeiros foi aumentando cada vez mais. A primeira Basílica tornou-se pequena. Era necessária a construção de outro templo, bem maior, que pudesse acomodar tantos romeiros. Por iniciativa dos missionários Redentoristas e dos Senhores Bispos, teve início, em 11 de novembro de 1955, a construção de uma outra igreja, a atual Basílica Nova. Em 1980, ainda em construção, foi consagrada pelo Papa João Paulo ll e recebeu o título de Basílica Menor. Em 1984, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) declarou oficialmente a Basílica de Aparecida Santuário Nacional, sendo o "maior Santuário Mariano do mundo".

Nossa Senhora da Conceição Aparecida, rogai por nós!

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Papa nomeia novo bispo para o Brasil


Padre Odelir (à esquerda) preside a Missa, assistido por padre Jorge, no Santuário Santa Cruz, anexo à sede provincial dos Combonianos, em São Paulo

O Santo Padre nomeou como Bispo de Sobral (CE) o padre Odelir José Magri, M.C.C.J., até então Vigário-Geral dos padres Combonianos em Roma.

Padre Odelir José Magri, M.C.C.J., nasceu em 18 de abril de 1963, na cidade de Campo Erê, Diocese de Chapecó (Santa Catarina). Após os estudos preparatórios, em 26 de junho de 1988, emitiu a profissão religiosa na Congregação dos Missionários Combonianos do Sagrado Coração de Jesus. Completou os estudos de Filosofia e Teologia em Paris (1988-1992), obtendo a licenciatura em Filosofia. Frequentou o curso quadrienal para Formadores dos Seminários, organizado em São Paulo em colaboração com a Pontifícia Universidade Gregoriana.

Em 18 de outubro de 1992, recebeu a ordenação sacerdotal. Entre 1992 e 1996, desempenhou o ministério sacerdotal em Congo Kinshasa (República Democrática do Congo), onde, em 1996, foi formador dos Postulantes.

De volta ao Brasil, em São Paulo, foi Formador Escolástico e Pároco (1997-1999); Conselheiro Provincial (1999-2001); Padre Mestre do Noviciado de Contagem (Belo Horizonte-MG) e Superior da Comunidade (2000-2003); Vice-Superior Provincial (2002-2003).

Desde 2003 é Assistente-Geral da Congregação em Roma e, desde 2009, Vigário-Geral dos Combonianos.

Diocese de Sobral
Vacante desde 16 de agosto de 2009, a diocese de Sobral foi criada em 10 de novembro de 1915, pela bula Catholicae Religionis Bonum do papa Bento XV. Ela foi desmembrada da então diocese de Fortaleza. A diocese de Sobral está no norte do Ceará e tem uma superfície de 19.143 km² e cerca de 38,0 habitantes por quilômetro quadrado. É composta por 29 municípios. Seu último bispo diocesano foi dom Antônio Fernando Saburido, OSB, que atualmente é arcebispo de Olinda e Recife (PE)

terça-feira, 14 de setembro de 2010

NOVO LEITORES, NOVOS SALMISTAS & MINISTRAS EXTRAORDINÁRIAS DA COMUNHÃO

Paróquia São Francisco de Assis
Nova Olinda do Maranhão
INSTITUIÇÃO DE NOVOS LEITORES, SALMISTAS E MINISTRAS DA COMUNHÃO



Grupo dos Leitores e Salmistas









Novos Leitores









Novas Ministras da Comunhão


terça-feira, 7 de setembro de 2010










Ordenação Episcopal de Monsenhor Sebastião Lima Duarte.
Nomes das pessoas que irão cantar na Ordenação Episcopal.
Everton, paróquia de Carutapera (Vice-coordenador Diocesano: Pastoral da Música)
Danielle, paróquia de Carutapera.
Heloisa, paróquia de Cândido Mendes.
Mana, paróquia de Zé Doca(Vice-coordenadora Diocesana: Pastoral Litúrgica)
Halison, (Secretário Diocesano Pastoral da Música)
Dena, paróquia de Amapá do Maranhão.
Nomes da pessoas que irão tocar na Ordenação Episcopal.
Leonardo, paróquia de Carutapera (instrumento musical: Guitarra)
Gavião, paróquia de Carutapera (instrumento musical: Bateria)
Thiago, paróquia de Cândido Mendes (instrumento musical: Contra Baixo)
Gottardo, Belém -PA (instrumento musical: Teclado)
Halison Barros.
Secretário Diocesano
Pastoral da Música

Nova Coordenação da Pastoral Litúrgica Diocesana


Coordenadora: Irmã Maria Luiza (Nova Olinda -MA)
Vice-coordenadora: Mana (Zé Doca -MA)
Secretária: Soraya (Zé Doca-MA)

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Mudanças Depois da Eleição do Mons. Sebastião

O Padre Reginaldo Santos Costa foi nomeado "Administrado paroquial" da Paróquia de São Sebastião em Carutapera a partir do dia 24 de julho de 2010.










Padre Raimundo Brito dos Santos foi nomeado Vigário Geral da Diocese de Zé Doca a partir do dia 24 de julho de 2010
















Padre Agnaldo foi nomeado Vigário Paroquial da Paróquia de Santo Antonio - Catedral em Zé Doca.








O Padre André Brás continuará servindo no Litoral e, por um tempo, dando aulas na Região.

terça-feira, 20 de julho de 2010

DATAS DE ORDENAÇÃO E POSSE DE MONSENHOR SEBASTIÃO


DATAS DE ORDENAÇÃO EPISCOPAL

DE MONS. SEBASTIÃO LIMA DUARTE

E POSSE DA DIOCESE DE VIANA – MA


Foram marcadas as datas para a SAGRAÇÃO EPISCOPAL do Bispo eleito para a Diocese de Viana, Mons. Sebastião Lima Duarte e também da POSSE da Diocese de Viana.



Dia 18 de setembro de 2010, às 19 horas, em Carutapera (praça pública) haverá a Solene Concelebração de Sagração Episcopal do Bispo eleito Dom Sebastião Lima Duarte.

Dia 25 de setembro de 2010, às 18 horas, em Viana, haverá a Solene Concelebração com a Posse, início do Ministério Episcopal Pastoral, na respectiva Diocese.



Para a Sagração Episcopal estão sendo esperadas caravanas de fiéis e amigos de Dom Sebastião vindas de todas as Paróquias da Diocese de Zé Doca e também de Viana manifestando alegria e o agradecimento ao Bom Deus pela escolha no nosso meio de um Padre tão estimado, amado e amigo. A alegria já está contagiando a todo mundo, desde o anúncio da nomeação pelo Santo Padre o Papa Bento XVI difundido pelo Vaticano no dia 7 de julho de 2010.

quarta-feira, 7 de julho de 2010

PAPA BENTO XVI NOMEOU NOVO BISPO DE VIANA-MA

O papa Bento XVI aceitou, nesta quarta-feira, 7, a renúncia do bispo da diocese de Viana (MA), dom Xavier Gilles de Maupeou d’Ableiges, e nomeou, para sucedê-lo, o vigário geral da diocese de Zé Doca (MA), monsenhor Sebastião Lima Duarte., de 46 anos. Dom Xavier pediu a renúncia após completar 75 anos, em abril, conforme prevê o cânon 401 § 1º do Código de Direito Canônico.




O novo bispo de Viana, é maranhense de Carutapera e nasceu no dia 3 de abril de 1964. Cursou filosofia e teologia no Centro Tecnológico do Maranhão, hoje, Instituto Superior do Maranhão (IESMA). Em Roma, na Itália, cursou teologia e ciências patrísticas no Instituto Patrístico Augustinianum.

Ordenado padre no dia 30 de novembro de 1991, mons. Sebastião foi pároco da paróquia Santo Antônio (catedral), em Zé Doca. Foi coordenador de pastoral e administrador diocesano; coordenador diocesano de liturgia; membro do Colégio de Consultores; professor de História da Igreja Antiga e Patrística no IESMA.

Atualmente, além de vigário geral, mons. Sebastião é pároco da paróquia São Sebastião, em Carutapera.

terça-feira, 29 de junho de 2010

HOJE CELEBRAMOS SÃO PEDRO E SÃO PAULO

Hoje a Igreja do mundo inteiro celebra a santidade de vida de São Pedro e São Paulo. Estes santos são considerados "os cabeças dos apóstolos", por terem sido os principais líderes da Igreja Cristã Primitiva, tanto por sua fé e pregação, como pelo ardor e zelo missionários.

Pedro, que tinha como primeiro nome Simão, era natural de Betsaida, irmão do Apóstolo André. Pescador, foi chamado pelo próprio Jesus e, deixando tudo, seguiu ao Mestre, estando presente nos momentos mais importantes da vida do Senhor, que lhe deu o nome de Pedro. Em princípio, fraco na fé, chegou a negar Jesus durante o processo que culminaria em Sua morte por crucifixão. O próprio Senhor o confirmou na fé após Sua ressurreição (da qual o apóstolo foi testemunha), tornando-o intrépido pregador do Evangelho através da descida do Espírito Santo de Deus, no Dia de Pentecostes, o que o tornou líder da primeira comunidade. Pregou no dia de Pentecostes e selou seu apostolado com o próprio sangue, pois foi martirizado em uma das perseguições aos cristãos, sendo crucificado de cabeça para baixo a seu próprio pedido, por não se julgar digno de morrer como Seu Senhor, Jesus Cristo.

Escreveu duas Epístolas e, provavelmente, foi a fonte de informações para que São Marcos escrevesse seu Evangelho.

Paulo, que tinha como nome antes da conversão Saulo ou Saul, era natural de Tarso. Recebeu educação esmerada "aos pés de Gamaliel", um dos grandes mestres da Lei na época. Tornou-se fariseu zeloso, a ponto de perseguir e aprisionar os cristãos, sendo responsável pela morte de muitos deles.

Converteu-se à fé cristã no caminho de Damasco, quando o próprio Senhor Ressuscitado lhe apareceu e o chamou para o apostolado. Recebeu o Batismo do Espírito Santo e preparou-se para o ministério. Tornou-se um grande missionário e doutrinador, fundando muitas comunidades. De perseguidor passou a perseguido, sofreu muito pela fé e foi coroado com o martírio, sofrendo morte por decapitação.

Escreveu treze Epístolas e ficou conhecido como o "Apóstolo dos gentios".


São Pedro e São Paulo, rogai por nós!

quarta-feira, 9 de junho de 2010

O CEGO E O TEMPO

Certo dia um cego estava sentado no degrau de uma calçada com um chapéu aos pés e um cartaz de papelão onde estava escrito: “Sou cego, ajudem-me, por favor”.

Um publicitário, que por aí passava, parou e reparou que no chapéu só havia alguns centavos. Abaixou-se e colocou algumas moedas, depois, sem pedir permissão ao cego, pegou o papelão, o virou do outro lado e escreveu outra frase nele.

De tardinha, o publicitário passou novamente onde estava o cego e reparou que o chapéu dele estava cheio de moedas e de notas.

O cego reconheceu a pisada do homem e perguntou-lhe se tinha sido ele que tinha escrito sobre o papelão e, sobretudo, o que tinha escrito.

O publicitário respondeu: “Nada que não fosse verdade, somente escrevi a sua frase de outro jeito”. Sorriu e foi-se embora.

O cego nunca soube que no seu pedaço de papelão estava escrito: “Hoje é primavera e eu não a posso ver”

Moral:
muda a tua estratégia quando as coisas não vão muito bem e verás que, depois, tudo irá melhor.

Se algum dia alguém se queixará dizendo que o seu trabalho não foi feito com profissionalidade, responda que a Arca de Noé foi construída por diletantes e que o Titanic por profissionais...

Para descobrir o valor de um ano, pergunta-o a um estudante reprovado na prova final

Para descobrir o valor de um mês, interroga uma mãe que deu à luz um menino cedo demais.

Para descobrir o valor de uma semana, pergunta a um editor de uma revista semanal.

Para descobrir o valor de uma hora, pergunta aos namorados que estão esperando de se encontrar.

Para descobrir o valor de um minuto, pergunta a alguém que tenha perdido o trem, o ônibus ou o avião.

Para descobrir o valor de um segundo, pergunta a alguém que tenha sobrevivo a um acidente.

Para descobrir o valor de um milésimo de segundo, pergunta a um atleta que, nas Olimpíadas, tenha ganho a medalha de prata.

O tempo não espera ninguém.
Junta cada momento que te resta, pois ele tem um grande valor.

Reparta-o com uma pessoa especial, e ele se tornará ainda mais importante.

A origem desta poesia é desconhecida, mas traz sorte a quem a espalha por aí (e, além de tudo, é bonitinha!)

Que ela não fique apenas para você, mas envia-a a todos aos quais desejas Fortuna!.

terça-feira, 1 de junho de 2010

HOJE 3 de junho SOLENIDADE DE CORPUS CHRISTI - PARTICIPE

É realizada na quinta-feira seguinte ao domingo da Santíssima Trindade que, por sua vez, acontece no domingo seguinte ao de Pentecostes. É uma festa de 'preceito', isto é, para os católicos é de comparecimento obrigatório participar da Missa neste dia.

MISSA E PROCISSÃO DE CORPUS CHRISTI -
Todos os anos celebramos a Festa da Corpus Christi, mesma é própria dos Católicos que realizam uma missa solene seguida de uma procissão para louvar e comemorar a presença real do Filho de Deus no Pão e no vinho.
A Santa mãe Igreja nos diz, Cân. 897. “Grandioso sacramento é a santíssima Eucaristia, na qual se contém, se oferece e se recebe o próprio Cristo Senhor e pela qual continuamente vive e cresce a Igreja. Sacrifício eucarístico, memorial da morte e ressurreição do Senhor, em que se perpetua pelos séculos o Sacrifício da cruz, é o ápice e a fonte de todo culto e da vida cristã, por ele é significada e se realiza a unidade do povo de Deus, e se completa a construção do corpo de Cristo”. Por tão grande importância nós devemos honrar ao Máximo a santíssima Eucaristia seja participando ativamente na celebração Eucarística, seja recebendo respeitosamente ou prestando-lhe culto em adoração.
Celebramos com alegria esta festa onde Jesus, “o pão vivo descido do céu” é sinal de transformação e libertação para toda a humanidade.

quinta-feira, 27 de maio de 2010

VIVA TODOS OS SANTOS E SANTAS DE DEUS

Por que queremos bem aos Santos?

Teve um pastor que chutou a Imagem de Nossa Senhora Aparecida.
Você lembra deste fato? Você gostou da atitude dele?
Os Santos são pessoas que viveram a palavra de Deus, seguiram a Deus, amaram os pobres e fizeram o bem.
Quando olhamos para uma imagem de Santo ou para um quadro, a gente se lembra de todo bem que ele fez e isso nos leva a viver melhor.

E será que os santos rezam por nós?
A Bíblia diz em Apocalipse de São João capítulo 8, versículos 3 e 4: “Ele recebeu uma grande quantidade de incenso para ser oferecido, juntamente com a oração de todos os santos, sobre o altar de ouro que está diante do trono. Da mão do Anjo subia até Deus a fumaça do incenso com as orações dos santos”.
O capítulo 5, versículo 8 do Apocalipse diz: “Cada um tinha uma harpa e taças de ouro cheias de incenso, que são as orações dos santos”. E em Mateus capítulo 27, versículo 52 se diz: “Os túmulos se abriram e muitos santos falecidos ressuscitaram”. A Bíblia nos mostra que a oração dos santos é agradável a Deus.
A imagem ou quadro que a gente tem é uma fotografia, uma lembrança daquelas pessoas que fizeram o bem e rezam por nós.
Não é idolatria rezar aos Santos! Rezar aos santos é acreditar na Palavra de Deus que diz que sua oração é agradável aos olhos de Deus.
Será que Deus quer que a gente seja Santo?
Deus fala em Levítico capítulo 19, versículos 1 e 2: “Sede santos porque eu sou santo”. E São Paulo na Primeira Carta aos Tessalonicenses no capítulo 3, versículo 13 diz: “Procurai a santidade, sem a qual ninguém verá o Senhor”. E fala em Mateus capítulo 5, versículo 48: “Sede perfeitos, sede santos, como vosso Pai do Céu é Perfeito”.
A Bíblia nos mostra que Deus ama os Santos, ama a oração dos santos e quer que sejamos santos também.
Os santos são pessoas apaixonadas por Deus e pelo povo.
Feliz a Igreja que tem Santos e reza aos santos, pois ela cumpre a Palavra de Deus.

sexta-feira, 14 de maio de 2010

EU AMO MARIA


POR QUE OS CATÓLICOS GOSTAM TANTO DE MARIA?
Os católicos gostam de Maria, a Mãe de Jesus, porque ela é “Cheia de Graça”, como diz o Anjo Gabriel, na Bíblia, em Lucas, capítulo 1, versículo 28: “Ave Cheia de Graça. O Senhor está contigo.” É o que dizemos quando rezamos: Ave-maria, cheia de Graça...
Porque Deus realizou grandes maravilhas em Maria, como diz a Bíblia em Lucas capítulo 1, versículo 49 “Porque o todo poderoso realizou grandes coisas em mim”.
Porque um dia todas as gerações chamarão Maria de Bendita. Diz a Bíblia em Lucas capítulo 1, versículo 48: “Todas as gerações me chamarão de bendita”. E como disse Isabel, cheia do Espírito Santo, em Lucas, capítulo, versículo 41 e 42: “Bendita és tu entre as mulheres e bendito o fruto do teu ventre”. É o que dizemos na ave-maria: Ave-maria... bendita és tu entre todas as mulheres.
Por graça especial de Deus, Maria é uma mulher especial, bonita, diferente, única. Ela foi escolhida por Deus para ser a Mãe de Jesus. Jamais haverá na terra uma mulher como Maria. Por isso ela é “Bendita entre todas as mulheres”.

segunda-feira, 26 de abril de 2010

PASTORAL DO DÍZIMO EM PÍLULAS


A Diocese de Zé Doca lança dois subsídios para a Pastoral do Dízimo naquela Diocese. Eles são destinados ao povo simples da cidade e do interior, possivelmente com ampla difusão.
O primeiro é um Folder contendo a carta do Bispo, algumas ideias sobre a realidade bíblica do Dízimo e das Ofertas e os Dez Mandamentos do Dizimista. Tudo na forma mais simples, mesmo... em pílulas.
O segundo é um livreto de 32 páginas que procura esclarecer que quem pratica o Dízimo faz um gesto bíblico, faz uma profissão de fé e dá um verdadeiro testemunho cristão.
Basta ler a conclusão do livreto: “Este texto... ‘é muito seco e essencial’. Ele tenta responder à necessidade do nosso povo bom, generoso e solidário, de ter nas mãos elementos claros, sem rodeios e que proponham motivos de reflexões e meditação.
O trabalho foi feito com boa vontade, tendo a certeza que o compromisso de todo cristão com o Dízimo é questão de fé, em primeiro lugar, e de testemunho perante a sociedade.
Desejamos a quantos lerem estas páginas de serem revigorados na fé e no amor a Deus e ao próximo.”

quinta-feira, 22 de abril de 2010

Informativa 2010

Olá caros ministros e ministras de música de nossa Diocese, saudações.
Muito nos alegra poder informar a vocês que observando a prioridade Formação, tanto da diocese quanto da Pastoral Litúrgica, conseguimos datar mais um Curso de Música, com a finalidade de nos capacitarmos mais ainda para melhor servir a Deus através do canto e da música, na solene e bem preparada liturgia, durante todo o Ano litúrgico.

O Curso acontecerá em Carutapera nos dias 12 a 17 de julho do ano corrente, no centro Polivalente. Iniciando com a janta no dia 12 e terminando no dia 17, a noite, com apresentação de canto-coral, no Teatro São José. Solicitamos 2 pessoas por paróquia, sendo um cantor(a) e um tocador(a), fora as pessoas da coordenação diocesana de música.

O tema será: Oficina de música para a liturgia, onde estudaremos elementos de teoria musical, solfejo, solfejo cantando, noções de leitura de partitura, harmonização de cantos litúrgicos e canto coral. O assessor será Guido Oddenino, sobrinho do Mons. Mario Racca, formado em música e professor no Conservatório de Música de Belém (PA)
Precisamos que as paróquias confirmem sua participação o mais rápido possível, pois as vagas são limitadas e precisam ser preenchidas.
Taxa de inscrição: R$35,00 por pessoa
Trazer: roupa de cama e objetos pessoais

Para confirmar: Halison (098) 3655 – 4500 ou (098) 9161 – 1778
e-mail: halison_21@hotmail.com; halisonzd@ibest.com.br
Pe. Sebastião (098) 3394 – 1159
e-mail: stiaoduarte@ig.com.br; tiaocaru@ibest.com.br

Aguardamos comunicação e esperamos contar com a presença de vocês.
Atenciosamente:
______________________________
Halison da Costa Barros.
Secretário Diocesano
Pastoral da Música

Iº Kariós Diocesano Pastoral Litúrgica

A Diocese de Zé Doca realizará nos dias 23 e 24 de julho, 2010, o Iº Kairós Diocesano de Liturgia, na paróquia São Sebastião, em Carutapera (MA), com o tema: Liturgia e o Mistério Celebrado. Terá como objetivo: Animação da vida litúrgica do Povo de Deus através de visita às famílias e catequese litúrgica, culminando com celebrações que serão realizadas, sobretudo a de Encerramento e Ordenação Presbiteral. Como metodologia se visitará as famílias fazendo catequese litúrgica, assim como encontro de formação e celebração viva e frutuosa.

Programação

Dia 23 de julho – pela manhã - chegada dos missionários e missionárias vindo das paróquias e se dirigirão às comunidades do interior. Depois do almoço iniciarão as visitas às famílias juntamente com missionários(as) locais, onde farão catequese litúrgica, conforme a temática: Liturgia e o Mistério celebrado. Às 17h00, na capela da comunidade acontecerá animação e troca de experiências a partir das visitas. Às 19h30, realizar-se-á grande Celebração litúrgica criativa, rica em símbolos, gestos e ritualidade, uma verdadeira Páscoa.

Dia 24 de julho – as 5h00 - Caminhada, Lucernário e Ofício Divino, logo após café comunitário. As 7h00, saída para Carutapera, onde serão acolhidos nas capelas e na matriz. Em seguida darão início às visitas às famílias da cidade, fazendo catequese litúrgica sobre o Tema do I Kairós. Após almoço na comunidade, 14h00, terá início a Formação Litúrgica, nas capelas das comunidades e no Teatro São José, até 16h00, assessorada pelos participantes do Nordestão de Liturgia e outros(as). Às 18h30, sai das capelas a Romaria Luminosa dirigindo-se à matriz, para Concelebração Eucarística, presidida por D. Carlo, Encerrando assim o Iº Kairós e durante a qual o Diácono Agnaldo Costa Oliveira, será Ordenado Presbítero.
Roguemos ao Senhor que seja do seu agrado os esforços empreendidos por todos nós, para êxito deste I Kairós.

Atenciosamente,
Pe. Sebastião Lima Duarte, Coordenador Diocesano de Liturgia